Untitled Document
Voltar para a Home...   terça-feira, 21 de novembro de 2017
Siga-nos no Twitter...
Voltar para a Home...

Artigos
TERCEIRIZAÇÃO

Mais aumentos nos custos do condomínio...
O reajuste salarial anual dos empregados de condomínios, previsto para outubro, exigirá novo aumento no valor da taxa condominial
O reajuste salarial anual dos empregados de condomínios, previsto para outubro, exigirá novo aumento no valor da taxa condominial. Embora a expectativa da inflação oficial para 2008 esteja entre 6,8% e 7,2%, o reajuste poderá se situar entre 8% e 10%, em vista dos recentes reajustes acima da inflação e do salário mínimo. Esse reajuste impactará igualmente nos biênios, qüinqüênios, cestas básicas, etc.
Ao contrário do que fazem as empresas e corporações, que reajustam salários apenas quando podem ou precisam, e o fazem de maneira seletiva para aqueles que merecem ser gratificados por produtividade e dedicação, os condomínios não têm qualquer capacidade de decisão em dar, ou não, aumento, nem quanto a percentual, e nem quanto aos que merecem ou não esse reajuste. Todos são igualmente reajustados, independentemente de suas capacidades, méritos, etc., uma vez que vem pelo dissídio anual da categoria.
Simultaneamente à revisão dos salários dos empregados, ocorre também a necessidade de se arrecadar recursos extras para o 13º salário, pagável nos dois últimos meses do ano.
Na contra mão do aumento salarial e da necessidade extra de recursos, está a situação de penúria do caixa dos condomínios, da inadimplência cada vez mais alta, e da incapacidade de se levantar recursos para manutenção básica, resultante da perda de poder aquisitivo dos condôminos. A dificuldade financeira dos condomínios decorre do elevado índice de desemprego, do reemprego por salário menor, das aposentadorias, etc. Nesse cenário de deterioração do poder aquisitivo, a inadimplência é inevitável, resultando no aumento da insegurança e na diminuição da qualidade de vida.
Deve, pois, merecer do síndico e de seus conselheiros uma séria reflexão quanto as alternativas disponíveis para a adoção de medidas para redução dos custos. Uma das ferramentas disponíveis, senão a única legalmente aplicável para redução imediata e efetiva dos custos, é a terceirização dos serviços. É comprovadamente a alternativa mais eficaz para se reduzir expressivamente custos com pessoal, sem perda da qualidade dos serviços. E quanto antes for tomado, menor será o custo de sua implantação, e mais cedo se começa a economizar. Os serviços terceirizados são igualmente corrigidos pelo dissídio anual da categoria, porém, todos os empregados terceirizados são qualificados, eficientes e satisfazem as expectativas dos condôminos. Caso contrário, são substituídos sem custos extras para o condomínio. Não perca mais tempo contemporizando com os problemas financeiros e de pessoal do teu condomínio. Basta um telefonema para você receber orientação completa e por escrito para a solução do problema.
 
Etore A. Fuzetti
etore@replace.com.br






  Untitled Document






Untitled Document

Jornal Sindico News - Editora Santa Luiza Ltda.
Tel: 11 5573-0333 - São Paulo - contato@sindiconews.com.br
© COPYRIGHT 2012 - Todos os direitos reservados
 
1122544 visitas
 
Desenvolvido por