Untitled Document
Voltar para a Home...   sábado, 23 de setembro de 2017
Siga-nos no Twitter...
Voltar para a Home...

Artigos
TERCEIRIZAÇÃO

Como valorizar o seu imóvel!
A terceirização é a única ferramenta legal e eficaz para readequar os salários dos empregados à realidade do mercado

Se o teu objetivo é tornar o imóvel mais atraente e competitivo na hora de alugar ou de vender, pouco adianta gastar com maquiagens como reformas do jardim, da calçada, com a redecoração do hall social, etc. Esses gastos são importantes para a manutenção do imóvel em bom estado, tornando-o mais atualizado, agradável e prazeroso de se habitar, e é o mínimo que os moradores esperam do síndico, para justificar a taxa condominial que pagam. Porém, por mais investimentos que se faça, na hora de tentar alugar ou vender o seu apartamento, a primeira pergunta que fazem é sempre a mesma: qual é o valor da taxa condominial?

E não pode ser de outra forma. A taxa condominial é uma obrigação mensal, que se assume por todo o tempo no qual se habita a unidade, quer seja como inquilino, quer como proprietário. É como se fosse um aluguel para o proprietário, ou um complemento ao aluguel para o inquilino, da mesma forma que o IPTU. É nessa hora que nos damos conta de que, o que realmente valoriza o imóvel é uma taxa condominial mais baixa em relação a condomínios similares no mercado. Quanto menor a taxa condominial, maior poderá vir a ser o valor do aluguel. O raciocínio é simples: se o potencial inquilino tem R$ 3.000,00 reservados no orçamento para a locação, quanto menores a taxa condominial e o IPTU, maior a sobra para o aluguel propriamente dito.

E por mais irônico que possa parecer, para baixar expressivamente a taxa condominial, tornando o seu imóvel mais competitivo para venda ou locação, você não precisa fazer investimentos nem gastar fortunas com a remodelação do condomínio. A melhor de todas as alternativas para reduzir a taxa condominial é a terceirização dos serviços. A terceirização é a única ferramenta legal e eficaz para readequar os salários dos empregados à realidade do mercado atual. Substituindo os antigos empregados próprios por terceirizados, o condomínio passa a contar com profissionais mais qualificados, uniformizados e treinados para atender os moradores de maneira cordial e eficiente, melhorando em muito as condições de segurança do condomínio. Pense nisso: sem empregados próprios, não há mais folha de pagamento, nem preocupações com horas extras, vale transporte, cesta básica, etc. Deixa-se de pagar uma dúzia de contribuições para instituições e programas de governo, que não trazem qualquer retorno para o condomínio. Além disso você passa a contar com uma empresa na supervisão dos empregados e dos serviços executados. A indenização dos empregados poderá ser financiada pela empresa terceirizadora, e as prestações são pagas com a própria economia proporcionada pela terceirização. É como dizem: com a terceirização acerta-se três coelhos com uma única pedra: reduz os custos com pessoal; melhora a segurança e a qualidade dos serviços e valoriza seu imóvel na locação ou na venda.

Etore A. Fuzetti

etore@replace.com.br



  Untitled Document






Untitled Document

Jornal Sindico News - Editora Santa Luiza Ltda.
Tel: 11 5573-0333 - São Paulo - contato@sindiconews.com.br
© COPYRIGHT 2012 - Todos os direitos reservados
 
1001776 visitas
 
Desenvolvido por