Untitled Document
Voltar para a Home...   quarta-feira, 26 de julho de 2017
Siga-nos no Twitter...
Voltar para a Home...

Artigos
AR-CONDICIONADO

Ar limpo, fresco e condicionado
No verão, a procura por aparelhos de ar-condicionado costuma aumentar. O controle de temperatura na estação mais quente do ano é um sonho de muita gente
No verão, a procura por aparelhos de ar-condicionado costuma aumentar. O controle de temperatura na estação mais quente do ano é um sonho de muita gente, o qual está tornando-se cada vez mais acessível à população. Ar-condicionado é conforto e traz benefícios como a purificação do ar ambiente, controle de umidade e de temperatura.
A queda no preço e a grande variedade de tipos e marcas de aparelhos de ar-condicionado têm aberto novos mercados consumidores, mas muita gente ainda acha que é um investimento exorbitante. Isso não é verdade. O síndico ou condômino que ainda tem dúvidas quanto ao preço ou esquema de funcionamento deve procurar uma empresa especializada. Só assim o mito cairá por terra.
O ar-condicionado foi criado para resolver um sério problema de uma gráfica do Brooklyn, em Nova Iorque. A qualidade da impressão naquela empresa era bastante prejudicada por causa da alta umidade do ar. Para solucionar o problema, em 1902, o engenheiro americano Willis Haviland Carrier desenvolveu um equipamento que colocava em prática quatro itens básicos: controle de temperatura, controle de umidade, controle do ar circulante e ventilação e purificação do ar.

Manutenção
Adquirir um equipamento de alto grau tecnológico satisfaz o ego de qualquer consumista, mas certos tipos de aparelhos necessitam de cuidados para funcionarem sempre em alto nível de suas capacidades. O ar-condicionado é um equipamento que, quando bem conservado, só trará benefícios ao usuário.
“A manutenção preventiva do ar-condicionado deve ser feita mensalmente. Em ambientes muito poluídos, a cada quinze dias”, explicou Idrio Vicentini Sobrinho, encarregado da área de instalação e manutenção da Poloar. “Uma loja de tecido, por exemplo, gera muito feltro que acaba entupindo o equipamento. Com isso, existe uma perda de rendimento e a eficiência do aparelho cai muito”, exemplificou.
O tempo da manutenção varia de acordo com os casos. Se o ar-condicionado estiver a uma altura de dois metros, em vinte minutos é feito o trabalho. Os reparos realizados nos aparelhos instalados em lugares mais restritos levam mais tempo.
“A limpeza do filtro é fundamental para saúde. Filtro sujo não vai fazer a limpeza do ar interno do local”, disse o encarregado técnico da Poloar. “Na medida em que o filtro é obstruído, a circulação cai e o rendimento do aparelho é zero, podendo dar queima e gastando um pouco mais de energia”, completou.  

Arrumar o velho ou comprar um novo?
Os custos para manutenção de um condicionador de ar antigo tendem sempre a aumentar e, por isso, a opção da troca do aparelho velho por um modelo novo apresenta muitas vantagens, conforme esclarece Alexandre da Rocha Sarrico, gerente da Poloar na Bela Vista, onde foi montada uma equipe para fazer atendimento exclusivo junto a condomínios e empresas de administração condominial.
“Se o condicionador for muito antigo, quando a gente coloca tudo no papel, verificamos que as despesas com a manutenção aumentam significativamente. Não tem jeito. Não é porque é máquina que não envelhece”, alertou Alexandre.
Segundo ele, muitos condomínios, administradoras e síndicos também chegaram a essa mesma conclusão. “Como a Poloar dispõe de uma ótima estrutura comercial, que envolve não só a venda, mas também a manutenção, muita gente nos procura para tirar esse tipo de dúvida e, juntos, confirmamos a vantagem da troca, pois os benefícios de um modelo de ar-condicionado novo são enormes”, disse.
“Enquanto um ar-condicionado antigo provoca aumento no consumo de energia e pode favorecer a proliferação de agentes poluentes químicos e orgânicos, como gases e bactérias, um aparelho da nova geração permite a filtragem do ar, eliminando as minúsculas partículas de impurezas e até aqueles odores indesejáveis como o de cigarro. Existe muita tecnologia, hoje, num ar-condicionado”, explicou o gerente da Poloar. “O conforto que o ar -condicionado proporciona não vem só da refrigeração do ar, mas de todas essas novas tecnologias limpas que estão dentro dele, mas a gente não vê”, concluiu.
Para ele, o investimento necessário para a troca dos condicionadores velhos por novos é compensador. “No final, todos os condôminos elogiam a iniciativa, pois quem tem bom-senso sabe que qualidade de vida está em primeiro lugar. O preço, pelo menos na Poloar, nós sempre conseguimos encontrar uma solução. Nossa equipe está orientada para facilitar a vida das pessoas. Sempre encontramos um plano de pagamento que atende a necessidade do cliente”, garantiu Alexandre.

Legislação
Confira alguns trechos importantes da RESOLUÇÃO - RE Nº 9, DE 16 DE JANEIRO DE 2003, da Agência Nacional de Vigilância Sanitária que, dentre outras importâncias, dispõe sobre sistemas de climatização. Saiba também como evitar alguns tipos de poluentes, prejudiciais à saúde:
“Os padrões referenciais adotados complementam as medidas básicas definidas na Portaria GM/MS n.º 3.523/98, de 28 de agosto de 1998, para efeito de reconhecimento, avaliação e controle da Qualidade do Ar Interior nos ambientes climatizados. Deste modo poderão subsidiar as decisões do responsável técnico pelo gerenciamento do sistema de climatização, quanto a definição de periodicidade dos procedimentos de limpeza e manutenção dos componentes do sistema, desde que asseguradas as freqüências mínimas para os seguintes componentes, considerados como reservatórios, amplificadores e disseminadores de poluentes.



 



  Untitled Document





Untitled Document

Jornal Sindico News - Editora Santa Luiza Ltda.
Tel: 11 5573-0333 - São Paulo - contato@sindiconews.com.br
© COPYRIGHT 2012 - Todos os direitos reservados
 
949610 visitas
 
Desenvolvido por